21
nov
2016

Persistir para empreender

Saiba como uma cantora de jazz e pianista clássica serve de exemplo para abrir o próprio negócio

 

Seu nome de batismo era Eunice Kathleen Waymon. Para poder cantar blues nos bares de Nova Iorque, Filadélfia e Atlanta escondida dos seus pais, aos 20 anos adotou Nina Simone como nome artístico. Seu grande sonho era se tornar uma pianista clássica. Fez aulas, estudou muito e praticou, mas não foi reconhecida à época, chegando a ser rejeitada após uma entrevista para o Curtis Institute, um importante conservatório de música dos Estados Unidos.

Ela nunca desistiu. Continuou cantando em bares e aos poucos conquistou um público pequeno, mas fiel. A mistura de jazz, blues, música clássica, talento e uma voz poderosa contribuiu para o seu sucesso profissional. Eu consigo enxergar parte da trajetória da Nina Simone como uma grande inspiração para empreender. É o mesmo pensamento que quis passar a vocês quando falei sobre a Madre Teresa.

Exatamente como Nina Simone fez, a mulher que deseja começar um negócio próprio precisa ter muita perseverança e força de vontade. O caminho não é fácil e muitas portas vão estar trancadas, mas o importante é ter em mente que não se pode desistir nunca do seu sonho. Empreender é ter autonomia e liberdade, coisas pelas quais Nina Sinome lutou sua vida inteira.

Empreender não se limita a ter ideias, conhecimento técnico e estudo. São qualificações extremamente importantes, é claro, mas não o bastante. Aí vão algumas dicas:

 

  • Tenha iniciativa

Você não pode ficar parada. Iniciativa e comprometimento devem ser algumas das características de quem quer empreender;

  • Perseverança

Não desista. Sua ideia de negócio pode ser muito boa e promissora, mas talvez não esteja atingindo o público certo ou em uma época propícia, principalmente em tempos de crise econômica. Mas persevere na ideia até o fim;

  • Pense grande

Pensar grande não significa tirar os pés do chão. Você pode e deve desejar ter muito sucesso profissional e ao mesmo tempo adotar cautela nas decisões. Quem pensa pequeno não consegue ter uma visão ampla das oportunidades que surgem;

  • Inspire-se

Busque cases de sucesso e histórias que possam servir de exemplo. É mais fácil trilhar o próprio caminho quando você conhece os desafios e conquistas de mulheres que conseguiram empreender antes de você.

Deixe seu comentário